Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As coisas de que eu gosto! e as outras...

Bem Vind' ao meu espaço! Sou uma colectora de momentos e saberes, gosto de os partilhar por imagens e ou palavras.

As coisas de que eu gosto! e as outras...

22.03.20

Covid-19 – Recomendações de segurança durante o isolamento

Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género

Miluem

3004p.jpg

 

A violência doméstica é crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva.

 

A Rede Nacional de Apoio a Vítimas de Violência Doméstica está a funcionar. Se precisar de ajuda ou tiver conhecimento de alguma situação de violência doméstica, ligue 800 202 148. É uma linha gratuita, funciona 7 dias por semana, 24 horas por dia.A CIG tem ainda em funcionamento um serviço de correio eletrónico para colocar questões, pedidos de apoio e de suporte emocional: violencia.covid@cig.gov.pt

Recomendações de segurança:

Se precisar de ajuda ou se não souber o que fazer, ligue para o 800 202 148

  • Esta linha indica-lhe o que fazer
  • Quais os serviços próximos de si
    Estes serviços de apoio continuam disponíveis e adotaram planos de contingência para evitar o contágio

Tenha à mão os números de apoio, memorize no telemóvel ou, se isso não for seguro, tente decorar:

  • O 800 202 148, que a informará e lhe dirá o que fazer, alertando os apoios mais próximos de si. Na dúvida, ligue.
  • O 116 006 linha da APAV
  • O 144 linha de emergência social
  • O 112 se sentir que a sua vida está em risco
  • O 116 111 (SOS criança) que deve também ensinar às crianças
  • Peça ajuda.

Este período exige-nos ainda mais responsabilidade e atenção ao que se passa na casa ao lado com as crianças e as mulheres.

  • Fique alerta a todos os sinais de violência; faça sentir a sua presença e vigilância, ligue para os números de apoio, designadamente o 800 202 148 e o 116 006 linha da APAVNenhuma mulher e criança podem ficar sozinhas, neste período de isolamento. Vamos ser mais comunidade.

Por todo o país continuam a estar disponíveis as forças de segurança e serviços de apoio para vítimas de violência doméstica.

Estes serviços adotaram planos de segurança e de contingência, de forma a evitar contágios. Em caso de necessidade, tenha à mão os números de apoio ou, se isso não for seguro, tente memorizar:

  • O 800 202 148, que a informará e lhe dirá o que fazer, alertando os apoios mais próximos de si
  • O 144 linha de emergência social

Fique o mais segura durante o isolamento.

  • Avalie se pode fazer quarentena junto de familiares ou pessoas amigas que lhe ofereçam condições de segurança.
  • Identifique membros da família, vizinhança e pessoas amigas que a possam acolher ou ajudar.
  • Estabeleça e combine códigos de emergência (sinal, gesto, palavra, objeto na janela acordado com vizinhos) que alertem para situação de crise em casa.

Para mais informações consulte:
Portal de Violência Doméstica
Guia de Recursos na área da Violência Doméstica

 

Folha_vizinhos.pdf

PDF - vizinhanças ativas

3003p.jpg

3002p.jpg

3001p.jpg

3000p.jpg

 

Fonte:

https://www.cig.gov.pt/2020/03/covid-19-seguranca-isolamento/